terça-feira, fevereiro 27, 2007

Do baú...

Tenho um novo passatempo: por labels em posts antigos. De vez em quando vou apanhando uns posts em draft. Uns apago, outros continuam assim, e este não resisto a publicar. Duas mães e quatro filhos dá nisto: 5 de Julho de 2006 Como o pai hoje passava o dia todo na empresa, decidi ir com a Joana até lá. É sempre uma festa ir ao trabalho do pai (ou da mãe). Quando a fui buscar à ama chega a madrinha dela para ir buscar o Gonçalo. Como o escritório é perto da casa deles, ficou combinado de irmos lá jantar. Boa! Começa assim a odisseia. Saímos as duas de minha casa, cada uma em seu carro e com os seus rebentos. Apresentemos então os artistas: a Joana (32 meses), o Gonçalo (28 meses), o Miguel (10 semanas) e a Mariana (7 semanas). Chegamos à empresa e enquanto os dois mais novos são colocados em cima da mesa de reuniões nos respectivos "ovos", os dois mais velhos iniciam um verdadeiro corre-corre pelos gabinetes e armazém. Depois das muitas correrias e cócós mudados, decidimos ir para casa. Bad Idea! :p A Sofia põe os mais velhos no banho e começa a fazer o jantar. A Mariana fica na cama sossegadinha e eu acalmo o miguel que entretanto começou num choro interminável. O Miguel acalma e a Mariana começa. Ela enquanto trata do jantar, começa a apanhar a água do chão da casa-de-banho que entretanto mais parece uma piscina. Eu enquanto abano o Miguel ao colo, seguro a chucha da Mariana com uma mão. Ela muda a água do banho porque o Gonçalo fez cócó lá dentro. Eu ponho o Miguel na cama e pego na Mariana, que entretanto irrompeu num choro. Ela começa a lavar cabeças. O jantar ao lume. O Miguel continua entretido na cama e a Mariana adormece na espreguiçadeira. Ela tira-os da banheira e começa a vesti-los. O Miguel quer mamar e já. A Mariana começa a chorar. Eu enquanto dou de mamar ao miguel de pé vou abanando a espreguiçadeira com um pé. O Miguel acaba de mamar, mas a mariana não acalma. Eu e ela trocamos de funções. Ela dá de mamar à Mariana. Pouso o Miguel na cama e visto o Gonçalo, que anda a correr nu pelo quarto. Os mais velhos ficam a brincar no quarto. Os mais novos estão finalmente sossegados. Nós continuamos de volta do jantar. Instaura-se o silêncio. Silêncio. Mais silêncio. Quando espreitamos temos a Joana a espremer a bisnaga do halibut na sua própria cabeça. Mães sofrem...

29 comentários:

Mãe Babada disse...

Lolololol....

Pois sofrem, sofrem.....

Mas aposto que hoje ao releres este post te ris-te muito, muito...

Eu pelo menos ri!!!

Bjocas

Ana disse...

AHAHAHAHAHAHAHAHAAHAHAHAHAHAHAHAHH

Já me doi a barriga de tanto me rir!!! O halibut foi a cereja no topo do bolo!

xxx

A

Amores Perfeitos disse...

LOL...

Célia Kuesters disse...

A parte do silencio nunca agoura boa coisa!
LOL
Beijso

PS - Andamos desencontradas...

mãe gabi disse...

EU NAO RESISTI E FARTEI ME DE RIR A IMAGINAR TODA ESTA SITUAÇÃO!
MÃES SOFREM!

P disse...

ai o que eu gosto destas histórias!!!

lindo!!

guga disse...

Bolas, já estou estafada...

bjs Sandra

Tânia disse...

Eh pá, só n me ri mais porque me pode acontecer uma assim... N devemos enfurecer os deuses! ;-)
Demais...

barbarayu disse...

eh eh eh eh eh!!!!!

... ups... pensando melhor... algo parecido poderá acontecer-me em menos de 5 meses... :p

beijinhos!

Mamuska disse...

Bem que agitação! lol
Beijosss

Margarida Atheling disse...

Fartei-me de rir!
Foi uma aventura! :D

Bjs

Tia Moky disse...

Bem,, até fiquei cansada de tanta agitação!

Vale a pena recordar estes momentos!

Beijos

Moky

mãe babada disse...

Xiiii!!!
Um dia em cheio, está visto! :D

Beijos

Rute disse...

Bolas ainda por cima halibut que além de ter aquele cheiro muito caracteristico não é nada pastoso....

Monica disse...

LOL

Carla O. disse...

Este foi um daqueles que me deixa a sorrir e 'cansada' enquanto leio - ufa!!!
Imagino que até dê saudades ;)
Beijocas

Pat disse...

Estou cheia de dores de barriga de tanto rir...mais parece que passaram lá por casa. lol

Pat disse...

Estou cheia de dores de barriga de tanto rir...mais parece que passaram lá por casa. lol

Gi disse...

Bem, que dia...
Vida de mãe é fogo ;)

rakel disse...

lolololololol
não consigo parar de rir...

Luna disse...

hehe ao mesmo no meio confusão deram conta do recado. silencio é sinal de asneira.
pelo menos salvaram o jantar!
beijocas
Luna

juliana pinto da costa disse...

ahahahahaha

buggy disse...

lololol
isto dava um belo episódio de uma sitcom, ai dava dava! :-DDD

beijinhos

Marta disse...

ahahahahahahahahahahah
em casa alheia e a rir para o pc a bandeiras despregadas
mão á frente da boca
as minhas figuras! só tu!
LIN-DO! (e o verão- crianças nuas pela casa, que saudades!)

Soph disse...

Mas que dia!!!! ;)

Curiosidade minha... se eu passasse por ti... o que deveria dizer?

Para além... de Bom Dia!

:)

Ana Rangel disse...

ahahahahah

Que loucos! Os filhos e as mães... :)

Cocas disse...

Que stress!!!! E eu só com um já tenho assim uns episódios tb complicados.. mas com dois, ui,ui!!

Mas aposto que ao reler esse post deste uns belos sorrisos! :D

Beijinho
Cocas ;)

Smas disse...

Olá!!!
Pois, sempre que eles estão calados é para desconfiar!!!
Bjs

Alice disse...

Héé Héé
Que filme :)))