sexta-feira, março 30, 2007

Aonde...

vais tu a crescer com tanta pressa?

Posso parar-te de vez em quando para te manter assim, pequenina? Só minha?

Egoísmo eu sei, mas que queres tu que te diga? Se o que gosto de te ver a chegar ao que és, é proporcional às saudades com que fico do que já foste.

22 comentários:

mor disse...

Adorei este escrito!!!
Directamente de Macau.

Tânia disse...

Ai ai...

MC disse...

Que verdade tão grande Sandra! Que frase tão linda!

Anónimo disse...

Tão bonito....
Parabéns pela inspiração
Bjs
Sofia

a mamã Paula disse...

Também eu me identifiquei com o que escreveste, e que palavras tão acertadas.

Bjs e bom fim de semana

PS: já agora aqui fica uma novidade (não sei se já sabes) mas criaram o CIF para limpeza do inox, eu ainda não experimentei mas dizem que facilita muito a vida.

rakel disse...

Tal e qual...[suspiro]

Xuinha Foguetão disse...

Deve custar um bocadinho...

Beijos grandes

Patrícia disse...

Eles(as) crescem tão depressa sim... ainda "ontem" a Catarina nasceu, era tão pequenina e "hoje" já tem quase oito anos...
Tens uns filhos lindos.
Beijinhos

Sorrisos da minha Alma disse...

:-))A mãe cada de casa tal e qual...
Beijos
Tita

Sara MM disse...

uhau!!!!! que palavras lindas... e bem sei o que sentes.. ai!

Bjss

mãe Sofia disse...

Lindíssima... e com dois rabos de cavalo! :)

Cá em casa o sentimento é igual.

Mamuska disse...

E que sentimento verdadeiro que é o teu :)
Beijoss

buggy disse...

essa equação (tão bem formulada!) é tão familiar... :-)

Sandra e Amaro disse...

A tua menina está linda!!!

Beijocas e bom fds

Mãe da Rita disse...

Aos 9 meses e meio parece que passaram anos: já não é a minha bebé, é uma meninhazinha com ideias próprias... Quando chegar à idade da Joana deve ir morar sozinha... e eu continuo sem saber quem sou nem como aproveitar da melhor maneira o que vai passando....

Gina disse...

Como eu te compreendo, Sandra! Sinto precisamente o mesmo...

Beijos

Margarida Atheling disse...

Imagino... deve ser uma alegria que dói muito!!

Mas a Joana está tão linda! Está mesmo linda a tua filha! :))

Bjs!

Soph disse...

Ela... eternamente TUA... mas SEMPRE a Crescer! :)

Marga disse...

Hoje que estou de volta à blogosfera, encontro sentimentos expressos de uma forma com a qual me identifico plenamente... e vou dormir a pensar no primeiros meses...
*s

Monica disse...

Tu nem me fales destas coisas...
Ela está linda!
Beijocas

sm disse...

Como te percebo... Estão giríssimos, os dois!

:-)
Sandra

icamila disse...

É tão difícil vê-los crescer... queremos que eles ganhem as suas asas, mas ao mesmo tempo sentimo-los, a cada dia que passa a voar um bocadinho para mais longe... e nem acreditamos que estas criaturinhas tão cheias de vida já foram um dia bebés pequeninos e indefesos. Iremos revivê-los, um dia, nos nossos netos, e, até lá, temos que aprender a gerir a saudade e desfrutar ao máximo de cada segundo que passamos com els!