terça-feira, maio 22, 2007

O pai...

já o veio buscar. Desde que lhe disse um adeus da porta da empresa que me sinto completamente vazia, com um nó na garganta mesmo, sem rumo. Ainda não me tinha sentido assim com ele. Custou-me deixá-lo ir. [e estranho sentir-me assim, por aquilo que é...]

8 comentários:

Sandra e Amaro disse...

Ó miga senti isso quando o outro dia deixei-o na minha sogra e qd o fui buscar parecia uma tolinha!!! Lol

Beijocas

Sónia disse...

Ora bolas...o pai não o podia ter deixado só mais um bocadinho???!!!

Deixa lá não tarda nada estás em casa com eles!

Beijinhos

mamã vera disse...

Já só falta um pouquinho até voltares p casa e dar-lhe mtos miminhos novamentes... e á boneca tb! :)

Beijoca

Mãe Frenética disse...

:) Um beijinho grande

Mãe da Rita disse...

Acho que é o que sinto todos os dias... Até me chegaram aslágrimas, ó pá, tinhas de falar nisso?? É tonto, eu sei , mas sinto exactamente isso...

rosinha_dos_limoes disse...

É mais fácil quando vamos nós embora não é?

mamã Diana disse...

Nem me digas nada... :(

Beijos!

buggy disse...

realmente há momentos difíceis... e custaaaam....

beijinhos