quarta-feira, janeiro 21, 2009

Quero fazer aqui um agradecimento público...

aos senhores motoristas da Carris, que me têm transportado diariamente, pois se não fosse pela simpatia e atenção da maioria, as minhas manhãs eram muito mais complicadas. Só para exemplificar, deixo dois exemplos que espelham bem a boa vontade da maioria: - Na semana passada, num daqueles dias de chuva intensa e sem chapéu-de-chuva, vou a correr para me abrigar na paragem do autocarro. Tinha acabado de passar um autocarro pelo que achava que ainda demorava a passar outro, eis senão quando, o que ainda devia demorar surge. Ainda longe da paragem e sem ninguém à espera para o mandar parar, maldigo a minha sorte, e aperto o passo. O autocarro começa a abrandar e eu vislumbro uma hipótese de o apanhar, mas de repente, o autocarro pára logo ali a dois passos de mim, fora da paragem (senhores fiscais/agentes da autoridade é favor ignorarem esta parte, por favor) e abre a porta para me deixar entrar, porque viu que eu não levava chapéu-de-chuva e que não chegava à paragem a tempo. Nem queria acreditar. - Hoje mesmo, sem chuva mas com o chapéu-de-chuva pendurado no braço direito, caminhava calmamente na direcção da paragem. Como habitualmente vou deitando um olhinho para trás a ver se não aparece um autocarro ao longe e, numa das espreitadelas, vejo um autocarro já não tão longe assim e bem lançado. Desato a correr (nada como um belo exercício matinal para queimar calorias) mas o autocarro depressa me passa e não há novamente ninguém na paragem para me valer. Volto a desatinar para dentro com a minha sorte, quando vejo o autocarro a abrandar, a parar na paragem vazia, abrir a porta e ficar à minha espera. Srs. motoristas, muito obrigada. Eu agradeço-vos em cada boa acção, mas quero agradecer-vos também aqui por estes gestos e por me retribuírem os bons dias à entrada. A sério. Obrigada.

8 comentários:

Alecrim disse...

:) Que bom!

Mother_24 disse...

Pá... conta-nos lá a verdade... vá lá desembucha... sério... tu tens um padrinho na carris não tens? vá lá conta LOLOLOL

jocas

Bala disse...

Bom.... Tens a certeza que não é sempre o mesmo motorista? Que ele não te conhece de lado nenhum?...Ou que não tens um/vários admirador(es) secreto(s) na Carris?
É que isso é, de facto, uma coisa inédita...e o facto de ter acontecido mais do que uma vez torna-a o acontecimento num (quase) milagre.

Bjinhos

Costinhas disse...

Bala, o incrível é que não é sempre o mesmo! E o mais incrível, é que o segundo exemplo que dei acontece frequentemente!

É por isso que não posso deixar de agradecer.

É claro que tenho muitas experiências opostas, mas curiosamente, nenhuma delas, com os motoristas destas carreiras...

Tita disse...

Heehehehe andas com o anjinho da guarda grudado em ti!

Costinhas disse...

mother_24, nope! nem padrinho nem conhecido :)

mio disse...

Já tinha ouvido dizer que a Carris andava a investir na escolha e formação dos motoristas. Não acreditei mas pelos vistos é verdade. Ainda bem!

rosinha_dos_limoes disse...

É bom saber que há mudanças destas :o)