terça-feira, fevereiro 23, 2010

Eu sempre disse...

que ele me ia deixar sem palavras mais depressa que a irmã e este fim-de-semana tive a prova.

Imaginem-nos portanto a subir a serra em busca da neve quando de repente ele levanta a questão:

- Eu estava na barriga do pai e a mana estava na tua barriga, pois é? Os meninos nascem das barrigas dos pais e as meninas das barrigas das mães, pois é?

A irmã apressa-se a corrigi-lo:

- Não Miguel, o pai tinha um bocadinho de nós que pôs na barriga da mãe. Assim como uma semente.
- Onde é que o papá tem a semente, mamã?
- Então, sabes aquelas bolinhas que tens ao pé da tua pilinha? Chamam-se testículos e é lá que estão guardadas essas sementes que se chamam espermatozóides.
- Pois - continua ela - e o pai só nos tinha lá a nós, agora não tem mais!
- Não Joana, o pai tem lá muito mais espermatozóides.
- Ai é?! - diz ela espantada - ai o pai pode ter mais meninos?!
- Pois!
- Ah... e os... como é que se diz mãe? - pergunta ele.
- Espermatozóides.
- Isso... saem no xixi, é?
- Não filho, saem noutra altura.
- E como é que saem mamã? - continua ele.
- Sim, como é que saem mãe?! - acrescenta ela à boleia dele.

Ora vamos lá ver, estávamos a ver a neve lá fora e as árvores e a natureza, como é que a conversa chegou aqui mesmo?!

- xiii... olhem ali aquelas casinhas tão pequeninas ao fundo!!!

Muda a conversa e o assunto cai no esquecimento ou pelo menos assim o julgámos. Estamos muito bem instalados no restaurante da pousada de São Lourenço, com duas senhoras a servirem-nos as sopas cheias de preceitos, quando se ouve:

- O que é que sai da minha pilinha?
(ignora, ignora que pode ser que passe)
- o que é que sai da minha pilinha?
(olha em volta, vê as senhoras a servirem a sopa e pensa que se calhar o melhor é responder qualquer coisa)
- Xixi Miguel, agora come vá. Silêncio.

E é claro, no tom que caracteriza as crianças de três anos, ele insiste:

- Nãaaaooo, não é xixi! É a outra coisa!!! O que é que sai da minha pilinha?!

Era um buraco se faz favor...

25 comentários:

sbn disse...

ora, um buraco, atendendo ao teor da conversa, sim é apropriado! LOL!
'Tás tão tramada... :-)

Costinhas disse...

e é que não tenho muito tempo para preparar o seguimento da conversa :p

ele quando menos esperarmos volta à carga!

S disse...

Aiii!!! Puseste-me a chorar de tanto rir, até me dói a barriga!

Mãe(q.b.) disse...

lololol e com esta é que tu n tavas nada á espera... meu deus, eu nem quero ver quando ele voltar á carga :D

jocas

Diana Bento da Silva disse...

Tão tramada que estás, lol!!

beijinhos.

Maria disse...

Lindo!!!

:)

LOL

Eva Lima disse...

... e as sras não deixaram cair a sopa a ferver??????

Costinhas disse...

oh Eva e não é que as senhoras mantiveram a sua compostura sem pestanejar!? Profissionais até ao fim! loool

(beijos a todas!)

Susana disse...

:-) uma das senhoras deve ser aquela que ao perceber que estávamos a falar de agricultura, desatou a explicar o vício que tinha com o Farmville, que chegava a casa tarde e dizia sempre que não ia ligar o computador mas quando dava por ela já lá estava etc etc etc.

E não te escondeste debaixo da mesa a atar os atacadores?? :-)

sbn disse...

será que há filmes didácticos sobre o tema para essas idades?...

Costinhas disse...

Eu tenho lá um livro que comprei para falar com eles sobre isto, mas estava a contar treinar-me com a Joana primeiro :p

Acho que vou ter de me sentar com os dois e o livro e resolver isto de uma vez...

Cris disse...

Muito me ri eu.... Beijinhos grandes
Cris

Avessa disse...

Hilariante! Por coincidência também tive uma conversa idêntica ontem com o mais velho, mas sempre foi mais privada. Isto porque estávamos a ver o livro "Para onde foi o Zezinho" que eles estão a dar esta semana na escola sobre o tema. Beijinhos.

Mãe Marta disse...

é tão bom ter meninas, é tão bom ter meninas, é tão bom ter meninas... preocupam-se mto mais com a parte sentimental que com o resto, ufa! (por enquanto!) ;)

Rita (a minha pequena lua) disse...

ai Sandra que esta conversa me fez sorrir tanto. é linda! olha já agora que livro é esse que dizes que tens? dá sempre jeito ter algo assim... partilha que se gostar também o compro!

Lúcia disse...

Oh marta, a minha já me perguntou e sabe como se processa a coisa ( quer dizer n sabe q o pai pos os espermatozoides pela sitio correcto, deve pensar é q o fez c uma seringa, lol... e ja sabe ha mto por isso, n é por serem meninas

Luna disse...

ai estes miúdos são tramados com idade dos pqs!
beijocas

Fitinha Azul disse...

eheheheh

Vera disse...

Tive agora o 3.º filho e o mais velho, que é da idade do teu Miguel, quis saber, durante a gravidez, como é que se fazem os bebés. Dei uma explicação, com a sorte de fazer cesarianas e poder mostrar, na boa, de onde eles sairam, uff!
Agora, quando nasceu o mano, 2 dias depois de estarmos em casa, completamente embevecido com o irmão ele disse-me: "Mamã vou dizer ao papá para por outra bolinha amarela(?!) na tua barriga para termos outro mano..."
Uma facilidade, portanto. Só não percebi porquê o amarelo, mas acho que me excedi quando falei em óvulos e o rapaz deve ter associado aos ovos das galinhas, lol!
São o máximo estes miudos!

1gota disse...

Ehehe, ele é tramado, não deixa escapar uma!
É melhor ires-te preparando para aprofundar mais o tema! :P

O meu já tinha ameaçado, e ontem puxou de nova a conversa, mas muito mais soft! :)

:*

Susana Happy Days disse...

Hehehe... pois!

E aposto que o raio do Sr Buraco nem deu a cara, certo???

Gi disse...

um mega buraco ;)

Pedro Bom disse...

As crianças agora são o máximo!!

Time Traveller disse...

Os teus miúdos são divinais! Looool

_Bekas disse...

ahahaha, um buracão, sff!!!