terça-feira, novembro 02, 2010

Lucky...

ou Patolas, ou Patolecas, ou Luckyzolas, ou Luckyzudo.

Caíste há oito anos de pára-quedas na nossa casa e apropriaste-te de nós todos. Eras o maior, o mais pesado, o mais chato, o mais medricas, o mais doce, o mais terno e o maior compincha.

Obrigada por tudo o que nos deste. Obrigada por teres fingido ser um cavalo tantas vezes e teres levado ao lombo as muitas criancinhas que nos visitavam. Obrigada pela paciência sem limites. Obrigada por teres ajudado tanta gente a perder o medo de cães com a tua meiguice. Obrigada pelos ratos que caçaste e obrigada por ter teres mantido tanta gente a uma distância considerável do nosso portão (se bem que o carteiro e os homens da pizza tinham dado jeito às vezes mais perto).

Eu que mandei vir tanto contigo, que te enxotei tantas vezes quando vinhas com essa cabeçorra encostar-te a mim e quase me fazias cair, que te evitava todas as manhãs para tentar chegar à rua sem babas enooormes na roupa lavada, que me passei com as tuas asneiras e maldisse o dia em que acedi a ter dois cães tão grandes, eu na verdade rendi-me a ti no primeiro minuto que te vi.

Só quem te conheceu sabe o quanto eras especial. Só quem te viu a lutar contra a doença como tu lutaste (conseguiste ganhar a luta a uma leishmaniose e a um melanoma, sabes o quanto isso é raro?!) sabe como gostavas de viver. E só quem te viu o olhar hoje sabe como nos soubeste mostrar que estava na hora.

Ninguém desistiu de ti e tu não desististe de nós. Obrigada meu querido. Obrigada do fundo do coração. Eu vou-me lembrar sempre de ti assim: chato. Chato como é o Miguel quando só quer o colo da mãe ou a Joana quando quer um miminho nas horas mais impróprias. Chato como só um filho pode e sabe ser. O nosso chato.

50 comentários:

Helena Barreta disse...

Lamento a vossa perda. Certamente irão recordar muitos e bons momentos passados na companhia do vosso adorado lucky.

Um beijinho para todos.

Filipa disse...

Lamento Sandra. Mesmo. Um grande beijinho* =(

Célia disse...

Um grande abraço... e como disseste um cão hiper meigo... beijos

Luna disse...

Quando escreves.te a msg no Fc, associei logo fosse o teu patudo.
bjos com mta força
Luna

Beta disse...

deram-lhe o vosso amore e ele esteve sempre e assim ficará nos vossos corações

até um dia Lucky!

Paula disse...

Um abraço apertado.

Maggie disse...

Tenho mta pena, felizmente os meus 4 cães ainda não novos e ainda não passei por essa perda!

Um beijinho
Maggie

Maria disse...

Muita Força. Lamento muito.

Bjs

Sandra Brema disse...

Só deixo um beijo... não conseigo escrever mais nada...prontos!

Soph disse...

Lucky, acho que sabes bem quem sou!
... nunca "convivemos" muito perto ... porque eu sou uma mariquinhas e tenho muito medo de cães...
E tu, sabes bem disso!
Eras sempre afastado, tremia só quando te via, ficava numa pilha de nervos só por te imaginar debaixo da mesa...
Mas não por isto que te escrevo...
Hoje quero dizer-te que escrevi o teu nome vezes sem conta nos Registos de Fim-de-Semana dos teus Mini-Donos!
Que sempre que se falava em cães no CookiMundo... tu estiveste presente!
Que eles vibravam a falar de ti!
Que foste sempre um AMIGO muito presente na vida de TODOS!... e na minha também... :)... porque afinal... também vivemos juntos durante os últimos 4 anos! :)

Lucky... aquele portão nunca mais será o mesmo!
:)

Ana Princesa disse...

Um fofo.
"- Lucky se encontrares o Sniff no céu dos Cães, ( O Sniff é o dálmata mais lindo que já existiu! E para o reconheceres melhor tem uma mancha no focinho em forma de coração... para veres bem como é especial!) diz-lhe que temos todos muitas saudades dele e que nos faz muita falta! MUITA MESMO!
Descansem em paz e brinquem muito...livres!
Obrigada meu querido ;)"

Dorushka disse...

Lamento imenso que tenha chegado a hora do Lucky... O meu coração está convosco.

Rita disse...

Um abraço apertado.

Força querida... força!

Sónia disse...

Revejo-me nas tuas palavras!! Desculpa, desculpa; não consigo deixar de pensar no meu Tuareg. Guarda o que de melhor ele te deixou. Não sei se foi o vosso caso. Por aqui maior dor que a partida dele; é a dor de termos de tomar essa decisão. Um beijo com uma lágrima. Força

Luz de Estrelas disse...

:(((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((((

FUCK

Graça disse...

Sandra, lamento tanto a vossa perda!
:( :( :( um beijinho mesmo sentido... e não consigo dizer mais nada!!! :(

gralha disse...

Sinto mesmo muito, Sandra :(
Um grande beijinho

Ana Sofia Santos disse...

*

a mãe dos miúdos disse...

beijo grande, amiga.

grande mesmo.

sónia

Li disse...

Em Abril passei pelo mesmo, sei o que é...um beijinho enorme para todos, daqueles que sei que não cura nada, mas que aquece um bocadinho a alma...
Se o Lucky for esperto, vai logo a correr fazer amizade com o nosso Kilo, que também era "dos especiais":')

Mocas disse...

Muitos beijinhos Sandra :(

Dulce disse...

Um beijo cheio de lágrimas...

margarida =) disse...

Um beijinnho muito grande. Só quem já passou por isto percebe. E o teu Lucky era muito parecido com o meu Mondego, que também foi para o céu dos cães.
Força para vocês! E um abraço apertado!

Eu disse...

um abraço muito apertado Sandra!

PM disse...

Estou lavada em lagrimas... só quem os tem sabe o valor das tuas palavras.... :((
Um abraço muito grande para vocês
Muita muita força!!!

Cláudia disse...

Lamento o que estão a passar :(
Sei que pode parecer frase feita, mas foi melhor para ele...
Esse sofrimento, não era vida para ninguém :(

Bjs

Cláudia disse...

...Resta-me dizer-te que quando perdemos o nosso cão com 17 anos, apesar de estar velhissímo... é uma vida junta!
Sei o que estão a passar.. mas o sofrimento dele, também era tão doloroso de assistir...

Ficam as recordações dos momentos bons, que foram muitos, pelo que dizes!

Um beijinho, mais uma vez...

S disse...

Não há grande coisa que se possa dizer, pois não?
Beijinho grande para todos.
S

Cris disse...

Li o teu post ontem à noite e recordei um outro que escreveste há meses (ou seriam anos?) sobre o livro "cão como nós". Ainda não o tinha lido e fui buscá-lo à "prateleira". Comecei-o ontem. Em memória do teu Lucky e de tudo o que tens contado sobre ele(s).
FORÇA! Cris

Monica disse...

Dói tanto quando eles partem... dão-nos tanto e ficamos assim, de mãos vazias das cabeças que insistem em dar "toques" a pedir festas ou das patorras sempre a pedinchar (também o meu que perdi há um ano era assim, tinha tanto de grande como de meigo).
Um grande beijinho minha linda, para todos.
E não, não era só 1 cão...

Paula disse...

Lamento muito Sandra, um beijinho enorme para voçês :(

Sónia disse...

:( um abraço apertadinho Sandra!

Avessa disse...

Lamento muito a vossa perda. Restam as recordações que hão-de ficar sempre no vosso coração. Beijinhos

Šaяa disse...

ohhh :(
Beijinho grande!! :*

InêsN disse...

mais um abraço, amiga *

Rita disse...

Beijo grande nos 4, perder um amigo assim não é fácil...

A. disse...

Sei que não há nada que qualquer um de nós possa dizer que diminua a dor, a mágoa de não poder alterar a situação.

A ausência é insuportável e só mesmo que conhece o amor incondicional deles por nós é que percebe o que custa.

Força.

Crente disse...

O nossos pets não são só pets. São parte da família. E é sempre uma tristeza quando chega a hora de nos deixarem... Ando a pensar arranjar um cão grande lá para casa, para oferecer ao meu Mister de 3 anos e meio. Já dei por mim a fazer contas aos anos que o Mister tiver quando chegar a hora desse futuro cão ir embora... Mas acho que valerá a pena todos os momentos que vão desde agora até essa data.
Beijos e força.

Mar disse...

Beijo grande, querida!

mdemae disse...

beijos.. meus queridos!!

Margarida Atheling disse...

Um grande, grande beijinho e um abraço o mais apertado que consigo!
Sei muito bem o que é uma perda assim e, conhecendo-o e a vocês... fartei-me de chorar!!!

Foi de facto um sortudo,seja como for, porque vos teve na vida dele e foi feliz!

Força, amiga!
(e beijinhos especiais aos pequenos!)

Rita (a minha pequena lua) disse...

um beijo enorme Sandra do fundo do coração...

Mary disse...

Sinto muito, são os nossos chatos que nós amamos tanto, e que a nossa vida sem eles não é a mesma coisa. Ficam as boas lembranças.
Beijos queridos

Lena disse...

Não consigo falar nem escrever desculpa
vem tudo á cabeça novamente.
muita força e coragem
se precisares de alguma coisa estou aqui

Liana disse...

Um beijo de lágrimas nos olhos...

Umbigo disse...

um beijinho Sandra. é bonito ver pessoas com tanto amor para dar também aos animais. força!

dia-a-dia disse...

Tão estúpida quanto a partida do vosso Lucky é a distância que me traz tão tarde ao vosso encontro. Só agora te leio o desgosto. Desculpa. Um grande abraço. Que as boas memórias que ele vos deixa tragam o alívio possível para a dor da sua ausência.

Familia Pumpkin disse...

Beijinhos grandes com muita pena!

1gota disse...

Um beijo grande e um abraço muito apertado.

:*

Ana disse...

É tão dificil... :(