sexta-feira, dezembro 10, 2010

Sandra na idade dos porquês...

Porque é que eu nunca sei o que lhe - ao cara-metade - dar no Natal? Porque é que eu nunca soube o que dar ao meu pai no Natal? Porque é que eu nunca soube escolher uma prenda que gostasse de receber no Natal que não fosse útil?

Porquê?

5 comentários:

Rita (a minha pequena lua) disse...

eu na última questão estou como tu... mesmo tendo dificuldade em escolher para algumas pessoas, porque também tenho, para mim, o essencial é que seja útil e que não seja dinheiro gasto só por gastar... e que tal perguntares ao cara metade se há algo que ele gostasse de ter e lhe desse jeito? às vezes resulta...

sbn disse...

não sei, mas eu também sou assim. até nos brinquedos para os míudos tento que aquilo tenha alguma utilidade didáctica.
acho que não vale a pena tentar entender. aceita isso como "defeito de fabrico" e siga. :-DDD

Cláudia disse...

Já viste que há mais gente a "sofrer do mesmo mal"

Também sou assim... e agora que falas, também me interrogo.

As melhoras...

dia-a-dia disse...

Eh pá, há uma tipa a fazer umas sessões fotográficas giras de morrer... era uma ideia... não sei se serve... Para mim foi a solução perfeita. ;) Queres o contacto? :D

InêsN disse...

nós vamos dar um fim de semana a dois um ao outro :) nada de prendas de natal..