sábado, março 26, 2011

Confesso, sou uma mãe pérfida...

que depois de uma manhã para esquecer quer uma horinha (por favor, que sejam duas!) só para si. Por isso, já despachei a mais velha com uma amiga e respectivos pais para um dia de passeio e ar puro, e, agora pegar no mais novo, na sua bicicleta e no cão e vou cansá-los durante uns quilómetros a ver se ganham vontade para a sesta e me deixam finalmente descansar.

Sou muito má, mesmo. Terrível.


[e detesto que tenham actualizado o corrector ortográfico do browser e que agora tenha palavras sublinhadas a torto e direito em tudo o que escrevo. corrector, corrector, corrector]

5 comentários:

Helena Barreta disse...

O meu filho, por causa da greve nos transportes públicos, passou esta semana sem vir dormir a casa e eu descansei, não precisei de me esmerar nos jantares, não preparei pequenos-almoços às 6h30m da manhã, não estendi nem apanhei tanta roupa, namorei muito e gostei. Mas agora estou aqui a contar os minutos que faltam para o ter, para lhe dar beijos, para saber as novidades. Tenho o jantar à espera e a casa cheira a bolos. Está tudo pronto, só falta ele.

Por vezes é bom este afastamento.

Beijinhos

Trinca disse...

TAMBÉM NÃO GOSTO NADA DO NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO!!!

A língua mãe é a nossa, qual egito ou direto, ou otimo... que horror!!! Já estou doente!!!!!!!!

rosinha_dos_limoes disse...

LOL
Eu ontem não consegui ser pérfida e essa foi mais uma acha na fogueira da minha frustração aaaarrrrgggg!!! (antes tivesse sido, não tinham que ter levado com o meu mau humor :op)

Costinhas disse...

lol rosinha, mas sabes eu acabei por gastar as três (!!!) horas da sesta dele... a dormir! :))

às tantas já estava acordada, mas deixei-me ficar na cama enroladinha a ele e a aproveitar o silêncio.

fez milagres!

Mnc disse...

Hehehehe!