terça-feira, dezembro 19, 2006

Alguém sabe...

onde é que se compra um manual para mães com filhos na escolinha?! É que ontem quando fui buscar a miúda, além de a trazer a ela, trouxe ainda saquinhos com lembranças de Natal que dois colegas da sala dela tinham levado para distribuir por todos... Ai isto funciona assim?! [foi novidade tanto para mim como para a educadora que também nunca tinha visto...] Nós por cá, limitamo-nos a umas surpresas (com bolas de Natal, tintas brilhantes e purpurina) que estamos a fazer as duas para dar à educadora, à auxiliar e à directora. E com a falta de espiríto Natalício com que ando, já é muito bom! :p Adenda: Eu até achei simpático dos pais (ou deverei dizer, mães?! :p) mas fico sempre sem jeito quando nos oferecem coisas e eu não tenho nada para retribuir. São lembrancinhas, coisas baratas, mas que mostram que pensaram neles. Estou dividida na minha opinião sobre a coisa...

13 comentários:

carla disse...

Eu devo ser mesmo anormal, nunca dei lembranças de Natal ao amiguinhos...esta é mesmo nova para mim!!!

Beijocas

Abafos e desabafos !!!! disse...

Não resisto e tenho de comentar! é a bela da sociedade consumista e graxista em que vivemos! Dão-se prendas à toa e a toda a gente! nos meus aniversários quando era criança levavamos um bolo feito em casa para lanchar com os colegas! agora levam prendas....para os colegas! No natal pelos visto está a começar! um dia destes leva-se por ser primavera, por ser verão, por ser inverno! este ano por exemplo vou levar uns chocolates à educadora e à auxiliar do meu filho mas para lhes agradecer o facto de o terem aceite numa situação muito especial.(já me estiquei com tanta convera!)um abraço!

Fitinha Azul disse...

nunca tal tinha ouvido...
Beijocas

Ana Rodrigues disse...

Dar a todos também nunca ouvi falar!

E mesmo que a moda pegue... não me vai seduzir!

Os meus dão uma pequena lembracinha aos coleguinhas que gostam mais, não a todos.

Carla & Repolha disse...

Eu por acaso até acho bem simpático. Não se está a oferecer a estranhos e parece-me estar longe de ser graxa ou consumismo. São os amigos dos nossos filhos, as pessoas com quem eles passam mais tempo, e nessa perspectiva faz todo o sentido. Além do mais antes de receber é preciso aprender a dar. Gosto do espírito. Não é preciso grandes prendas - às vezes basta um cartão desenhado por eles :)

Fosse eu um bocadinho mais prendada e também me dedicaria a tal coisa - vai daí que oferecemos lembrancinhas de natal sim, mas à educadora e auxiliares - à medida que os anos passam o número de prendas cresce porque parece-me lógico que se continue a oferecer às que tomaram conta dela nos anos anteriores e que continuam a fazer parte do dia-a-dia.
Beijinho

Carla disse...

Ai, ai, devo ir ser linchada, mas o ano passado o Miguel levou lembrancinhas para todos (da sala), ganchinhos para as meninas e apitos para os meninos (para mal do pessoal docente, que os obrigou a guardarem os apitos e só usarem em casa). Não sei se alguém nos levou a mal, mas eu não consigo resistir a pôr sorrisos nas caras dos miudos da sala do Miguel, que são uns queridos. Não levei nada a mal que não houvesse "retribuições" porque quem dá, deve dar do coração, que foi o caso. Este ano ainda nem tive tempo para pensar nisso, provavelmente não iremos levar lembrancinhas, mas tenho pena.

Nota: No aniversário do Miguel (no ultimo) não houve lembrancinhas para ninguém, só mesmo o bolo. Na festa de casa em que o tema foi "Piratas", arranjei uns lenços à pirata e umas palas para os olhos (feitas por mim) e no fim levaram isso para casa, depois de brincarem aos piratas na festa.

Costinhas disse...

mi & me, não vais nada! :p

É como te digo, achei a ideia muito simpática , mas fico sempre sem jeito!

Se fosse eu a dar, também não estava à espera de nada de volta (deve ser esse o espiríto, certo?!) mas não visto muito bem o papel de "recebedor".

Nos anos da Joana tb não levei lembrancinhas nenhumas, fiz apenas a festa com bolo e sumos.

Tânia disse...

Confesso que tb só pensei numa lembrança para as educadoras e auxiliares...

Monica disse...

Apessoa fica sempre meio "sem graça"...

InêsN disse...

eu acho um gesto bonito. e faz-me confusão que as pessoas vejam tudo como "consumismos" e "graxismos"...

Alda disse...

Ainda hoje as minhas filhas levaram prendas para todos os coleguinhas das suas turmas (chocolates com etiquetas personalizadas). Acho simpático e, o mais importante, fomenta nas crianças o espírito de partilha e o prazer de oferecer.

(mas também nunca vi nenhum colega fazer o mesmo, hehe)

Márcia Carvalho disse...

há uma parte fantástica no Natal que é a alegria de dar sem esperar retribuição!

Lúcia disse...

Pois eu a parte de dar à educadora e às auxiliares só me lembrei depois de ler em vários blogs que o iriam fazer. mas são lembranças personalizadas apenas e não dou aos colegas pq ela ainda é pequena. Quando ela me pedir para dar prenda ao amiguinho x ou y irei fazê-lo mas por enquanto não no entanto não acho graxa ou consumismo é um gesto simpático de quem passa todo o dia com os nossos filhos.
Bjnhs