quarta-feira, maio 30, 2007

Nó na garganta...

Fomos jantar à casa dos padrinhos dela. Ela e o Gonçalo adoram-se de perdição. Enquanto andavam na brincadeira, ele vai mexer na minha máquina fotográfica e deixa-a cair. Lente lascada, tampa das pilhas partida.

Como se não bastasse, ao tentar colar uma pecita de plástico, com super cola 3, na tampa, fico com um dedo colado à dita. Eles divertem-se com a minha desgraça, eu bufo para exorcizar os nervos. Enquanto andavamos entretidos com o meu dedo colado, os pequenitos somem-se.

Quando, finalmente, me consigo soltar e vou guardar a máquina na mala, dou com os dois no sofá da sala. Ela mantém-se imóvel; ele assim que me vê, ri-se para mim ao mesmo tempo que dava mais uma tesourada e dizia: estou a por a Joana bonita!.

Não sobrou franja do lado esquerdo e deixou o cabelo rente até um pouco mais atrás.
Com um casamento no fim-de-semana, e uma sessão fotográfica planeada para a semana, confesso que o nó na garganta é imenso.

É que aquilo não há volta a dar. Quanto muito, pentear a franja que se salvou do lado direito para a esquerda, como fazem os carecas.

Até chorei.

Gonçalito meu amor... a tia hoje quase te ia comendo!

Adenda:Novamente, riam-se o que quiserem. Eu sei que isto para quem está de fora dá uma pica do caraças. Também sei que daqui a uns tempos, nós quatro vamos rir com isto até que a barriga doa. Mas neste momento não consigo. Amanhã talvez (amanhã quase de certeza, porque já me foge o canto da boca para cima ao lembrar-me dele todo contente de tesoura na mão). E não, não há corte que disfarce aquilo à excepção de um pente 2!

52 comentários:

Cristina disse...

Não sei se neste momento já conseguiste digerir a coisa mas olha que esta é uma daquelas situações que depois de passar a neura dá para rir como o caraças!
Experimenta fazer-lhe um corte mais curto e certinho que depois o cabelo logo cresce.
Beijinhos

Alda disse...

Pois é, só tem graça passado um (bom)tempo... e se lhe cortares o cabelo curto? Até é capaz de ficar giro e, pelo menos, depois cresce direito...

mãe babada disse...

Pois, a mim também me causou um nó só de me imaginar na tua situação.
É que é brincar com 2 coisas preciosas a tua filha e a tua máquina, pá.
E não consegues adiar a sessão fotográfica?
Bjos

ana disse...

ai ó sandra, tu desculpa-me mas eu ficava ceguinha de raiva. parece que estou a ver uma piolha que conheço de tesoura na mão a fazer o mesmo à prima. ceguinha que eu fiquei! e olha que nem seria com o gonçalo - como não foi com a joana deste lado quando aconteceu. é o olhar para ela e ver aquilo. credo!

mas vá, o cabelo deles crece depresse e tal.

buggy disse...

oh tadinha... :-(

fez-me lembrar um episódio da Ana em que ela pintava o cabelo (muito comprido) porque não queria ser ruiva, mas depois acabou por ficar com o cabelo verde e teve de o cortar muito curtinho... fiquei toda angustiada a ver essa cena! mas depois ela causou sensação na escola, porque aquele corte afinal era a última moda em Paris! :-D

beijinhos

Šaяa disse...

Uiii... a maquina e o cabelo da filha no mesmo dia é dose :)
Mas que tem piada tem.... desculpa lá mas essa do cabelo tem muita piada! Ehehehehehe

mãe disse...

Não tem graça... mesmo... lembro-me que uma vez uma ama da minha filha nº3, teve a triste ideia de lhe cortar a franja que lhe ia para os olhos. Bem, eu só não a esfolei porque não calhou, por isso percebo-te; ainda para mais com uma festa à porta. Conselho: põe-lhe uma fita, daquelas largas de tecido, à moda das bratzs, estás a ver ? - a puxar-lhe a franja, o que dela resta, para trás. Ou um belo lenço cheio de florinhas a condizer com o vestido.

mãe babada disse...

Ainda a pensar no cabelo da Joana venho aqui ler os comentários.
Olha, o conselho da mãe é muita bom. Que gira que deve ficar com a tal fita a puxar a franja para trás :)
Beijos

Célia Kuesters disse...

LOL!!! O que eu me ri já a imaginar a Joana! LOL
Mas olha agora a serio, o melhor mesmo é cortar-lhe o cabelo para que o cabelo ao crescer se acerte!
Beijoca

Bekas C. disse...

Xiiiiiiiiiii
:(

Eu disse...

Desculpa mas tenho de me rir!
Sabes que hoje em dia estão muito na moda cortes de cabelo radicais, como o da tua filha! E pagam-se balurdios para ter estes cortes.
Portanto, vê o lado bom da coisa, a tua filha está na moda e ainda por cima não pagaste nada!
bjs

Fitinha Azul disse...

Nem sei o que diga, mas olha que eu tinha um "ataque"... que só me passava quando o cabelo voltasse ao normal...e sim daqui a uns tempinhos vais rir!

Amores Perfeitos disse...

eu fiquei logo com um nó na garganta qd li a parte damáquina mas qd cheguei ao cabelo....acredita q fiquei de boca aberta e só depois sorri!!

acredito..eu no teu lugar tb ficaria passada.
depois conta como resolves te o cabelo da Joana....

cate disse...

Eu tinha esfolado o miudo!! Mas mais por pensar que poderia espetar uma tesourada no olho da joanita!
Tenta por ganchos para disfarçar... não sei!
Beijinhos (e amanhã rio contigO!)
cate

Sandra e Amaro disse...

Ó miga desculpa lá mas realmente não consigo controlar o riso...
Mas se te consolar eu fiz exactamente o mesmo qd eu era pequenita, mas sem ajuda de ninguem e a minha mãe disse-me que até tinha vergonha de mim que parecia uma demente... lol

Beijocas grandes

mãe dos kiduxos disse...

Eu já ficaria para morrer com o episódio da máquina...mas isto...credo...

É duma pessoa chorar mesmo lololol

Cresce rápido cabelo!!!

Bjs

sol13 disse...

Ai meu deusssssssssssssss.......
Cresce, cresce, cresce.....cabelito, cresce.

Bjokas

Mãe Babada disse...

Pois....eu realmente também não ia ter vontadinha nenhuma de rir, ia ficar a espumar da boca...é como diz uma amiga minha:

"O QUE NÃO LEMBRA AO DIABO, LEMBRA ÀS CRIANÇAS".

Bjos e ...tenta uma peruca?!(just kidding)

Mamã dos birrinhas disse...

Xiiiiiiiii :(((((

Que grande berbicacho!!!!

Beijinhos

mamã vera disse...

O q eu já me ri ás vossas custas!! Desculpa mas visto de fora dá mesmo é p rir!! Só de imaginar o Gonçalinho a pôr a Joaninha mais bonita...

experimenta o conselho da Mãe, com a fitinha, fica bem e deve disfarçar.

Beijoca e respira fundo, num instante volta a crescer... podiam era ter-se magoado, mas felizmente tal não aconteceu...

sorrisos da minha alma disse...

Tenta fazer pitos (mesmo que curtos), á quem diga que o cabelo cresce mais rápido. Não custa experimentares!
Beijos

Ana Rangel disse...

Credo!

(foi o que pensei)

Mas não tarda já te ris com a coisa. E logo tu... :)

Bala disse...

Valha-me Deus.... Como é que te conseguiste controlar?!?!?
Eu acho que tinha tido um ataque!!!

De facto, o conselho da fita para disfarçar parece-me muito prático!

E a Joana, gostou do penteado novo?

Bjs

Rita disse...

Acho que me passava da cabeça!!!

Monica disse...

Ai...
Uma daquelas fitas bem largas não tapa o pior, em cima?
Beijocas

CLS disse...

Eu teria tido um treco daqueles fortes, nem quero imaginar! :O
O q vale é q volta a crescer,lá terás q adiar a sessão fotográfica por uns tempos.
:))

Lúcia disse...

Aiii... a mim tb n me dá para rir ( por agora ). Só mesmo cortando o cabelo curto porque sempre disfarça.
E o perigo de 2 crianças a brincar com a tesoura... medo!

Andrea disse...

Ai, não achei graça nenhuma! Acho que me passava!
Cresce cabelhinho cresce!!
Beijocas!

rosinha_dos_limoes disse...

AHHHHHHH :oppppp
E ela que estava com o cabelo tão bonito!!! E dava para fazer trancinhas e tudo! ... ok, não estou a ajudar :op
Oh céus estes miudos têm cada uma! :o)
Estou solidaria contigo Sandra ... a Bia já me fez uma dessas (cortou ela mesmo enquanto fui deitar a irmã - meio minuto!), andou com cabelo à rapazinho por uns tempos :op

Anónimo disse...

Não lhe cortes o cabelo nada pá! isso é só alargar o "problema" à cabeça toda! coitadinha! vai disfarçando com fitas, lenços, ganchinhos, etc... e quando crecer um bocadinho, escadeias ligeiramente a parte da franja para ficar mais uniforme e, para além de disfarçar, fica muito giro! vais ver que resulta... e aqui fica um conselho de profissional! beijinhos!!

bekas disse...

Oh pá eu não acho piada nenhuma... e como e que a Joana deixou!?!? Isso é que me espanta!
É mesmo uma pena, ela estava com um cabelo lindo! :((
Beijinho, linda...

Mãe Gabi disse...

Nao acho piada..por isso nao me vou rir!
mAS OLha vai ao cabeleireiro e tenta um corte daqueles super hiper mega modernos...todos despenteados e cheio de pontas...pode ser que resulte!

silviaflor disse...

Eu primeiro fiquei aflita pois uma tesoura na mão de crianças não é brincadeira, depois ao vera foto comecei a rir-me, e depois fiquei a pensar que se tivesse acontecido com a minha filha, não havia de achar graça nenhuma.
Mas talvez se seguires o conselho da Gabi até resulte.
Beijinhos

Ana disse...

Não achei piada nenhuma, fiquei de boca aberta. Em primeiro lugar pelo perigo que é estarem com uma tesoura nas mãos e depois pela forma como ficou o cabelo da Joana. Eu tinha-me passado.

Concordo com mãe, talvez umas fitas daquelas gossas, ou até os lenços.

Agora vem o Verão e está na moda os lenços para as meninas.

Vai disfarçando até crescer um pouco de modo que depois dê para acertar.

Beijos

Biducas disse...

Ó Mulher eu nem sei que te diga... imagino a neura, mas olha vais ver que passa rápido e daqui a nada já tem o cabelinho gd, isto é direitinho, outra vez.
Beijocas e encontramo-nos no sul....

andreia disse...

Bem, que cena...além do perigo, como era a tesoura?

Vais ver que num instante fica a modos de pelo menos se dar um jeito.

E ela, o que diz?

beijinhos

Margarida Atheling disse...

Tens razão. Só para quem está de fora tem graça. Mas daqui a pouco tempo, terá também para ti!
E a Joana é sempre linda! :)

Bjs!

Cláudia disse...

Imagino os teus nervos. A mim tbm me dava uma coisinha má. Não é para menos. Uma ideia: pores um lenço ou uma fita grossa no cabelo, com a franja puxada para trás, de modo a disfarçar a tesourada.
Beijocas.

shu disse...

Ainda te vais fartar de rir com a coisa!

A minha irmã teve um episódio do género, e hoje a minha mãe farta-se de rir, quando na altura se fartou de chorar, e toda a gente conhece a história.

Cláudia disse...

Põe gel, para conseguires manter o cabelo penteado para trás.
Bjs.

Cláudia disse...

Desculpa lá a quantidade de comments, mas lembrei-me daqueles chapéus em renda ou em linha que as meninas usam e que ficam mto giros, além de que não são mto quentes.

Anónimo disse...

A do chapeu é uma ideia fixe.Vai ver que ainda te vais rir com tudo isso.....Marisa

Anónimo disse...

Já todos deram sugestões em relação ao sucedido por isso eu vou por outro lado;Tu diz lá ao Gonçalo que tente outra profissão pq a veia artistica dele para cabelos é um desastre :DD

beijo

Anna^

MC disse...

quero uma foto de frente hehehe ;)

corta-lhe o cabelho curto escadeado, ou faz-lhe uma franja curtinha à moda.

Mas deixa lá que a carinha laroca que ela tem aguenta tudo!

foi sorte foi não se terem magoado com a tesoura :)

florbola disse...

Oh!.... Eu reagia como tu de certeza absoluta.
Acho que só ria algum tempo depois de passar a neura.
Beijinho.

Carla O. disse...

Aiiii... É que se fosse por estes lados tb teria ficado um nó bem, bem grande.
Bem... agora o melhor mesmo é digerir a coisa e deixar o tempo actuar.
Beijocas

Mãe Frenética disse...

Pois eu tb não achei mta piada e nao me ri nem sorri.
Imagino a tua tristeza, pq tb parti uma maq fotografica... E o cabelo da Joana...

O q vale é q agora é moda ter o cabelo mto rente de um lado e comprido do outro. Será?

Um beijinho grande

Mãe da Rita disse...

Fiquei triste c a maq. fotográfica e ri-me mto c o cabelo da pobre Joana... Eu gosto tanto de cabelos compridos! A ideia das fitas e dos ganchos parece-me melhor q os cortes pq o cabelo está curto e ficará mais curto para ficar alinhado... Tb podes fazer-lhe um penteado espetado com gel...

sofia disse...

Então e esse casamento é dia 2 e a noiva é a Joana? Beijocas e deixa lá que o cabelo cresce!!!! :)

Tânia disse...

Vá, miúda, ri-te lá... O resto é conversa ;-)

Mary disse...

ehhehehhe, vá lá já estás melhor?? depois do choque,claro ehhehhehe.

Sabes como é que são os miudos, umas pestes mesmo.

Nada como teres lá em casa um penteado original, :)

Beijokinhas e relaxa

LP disse...

Ai... nem sei que te diga. Já te consegues rir?