sexta-feira, junho 22, 2007

Boas práticas...

Quando eu fazia colónias de férias com os miúdos, uma das nossas maiores preocupações era fazê-los perceber que aquela rodelinha de borracha que andava presa ao pescoço nunca podia sair de lá. A preocupação seguinte, era de que não se esganassem uns aos outros nas brincadeiras! :p

Assim que foi a vez da minha ir nestas andanças, disparei mil e uma perguntas à directora para saber quais eram as medidas de segurança que tinham adoptado para a época da praia. Eu já disse, que quando confio descanso, mas daí a confiar às cegas vai uma grande distância.

Ao invés da famosa rodelinha, optaram por pulseiras invioláveis (tipo aquelas que se põe aos bebés aquando o nascimento) com a identificação e contacto da escola. Achei a ideia do melhor. Decidi partilhar a ideia, porque com a minha experiência neste tipo de saídas, acho que é mesmo o método mais eficiente e seguro para garantir a identificação da criança com a escola em caso de se perderem (e o custos das pulseirinhas não deve ser muito diferente ao custo das medalhinhas).

Adenda: Eu não faço ideia se a rodelinha ainda é usada ou não. Se calhar, até já é prática comum a história da pulseira. Se for, ainda bem que assim é! (mãe de primeira viagem nestas andanças, resulta em deslumbramentos destes)

Adenda 2: Uma amiga colocou-me a questão e lembrei-me de outra coisa pertinente. Além do uso da pulseirinha, o treino que eles deram aos miúdos antes da praia começar, sobre o que fazer no caso de se perderem também é muito importante. Eles sabem: quem procurar se se perderem; o que gritar se algum estranho se aproximar demasiado; o nome da escola e a direcção. São pequeninas coisas que podem fazer toda a diferença.

15 comentários:

Clara disse...

Só as chatices que vão prevenir, nem que fosse mto mais!

carla disse...

na pré do Rodrigo faziam isso nos passeios, todos levavam a pulseirinha com o nome deles e o nº de telemovel da educadora, para além da t-shirt e do boné com a identificação do jardim de infância!

Beijinhos

Alda disse...

Não é caro e as pulseiras existem à venda em algumas lojas de puericultura. Os meus vão sempre assim 'etiquetados' quando vamos de férias.

Ana disse...

Quando eu andava na escola também levava a tal medalhinha ao pescoço...mas essa das pulseiras ainda é melhor.
Adorei a ideia.

Beijokas e boa praia.

Ana disse...

Quando eu andava na escola também levava a tal medalhinha ao pescoço...mas essa das pulseiras ainda é melhor.
Adorei a ideia.

Beijokas e boa praia.

Mãe Babada disse...

É uma excelente ideia, e que no caso da escolinha da Carolina é utilizada também! e o engraçado é que são vermelhas e tudo...lol

A Carolina por fazer praia todos os dias connosco, este ano ainda não vai à colónia, talvez para o ano.

É o que faz ter pai adepto do surf...passa a vida na praia...todo o ano.

Bjos p todos aí em casa e as melhoras!!

Sandra e Amaro disse...

Tb acho muito boa ideia!!!
Adoro o mês de Julho porque o areal é~" invadido " por bonés com as mais variadas cores...

Jocas grandes miga!!! E o Miguel está melhor????

Fitinha Azul disse...

Quando o meu ía à praia para além de irem todos com equipamento igual na t-shirt tinha impresso os contactos telefónicos do colégio:)

Amores Perfeitos disse...

eu ainda sou do tempo das rodelinhas..;^)

Amores Perfeitos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
_Bekas disse...

Quando fui a Paris com a Dani fartei-mede procurar destas pulseiras e não encontrei... se souberes onde se vende diz-me

Quando vamos para a praia a Dani já sabe que se nos perdermos tem de ir para "o sítio secreto" seguindo as instruções:
1 - virar as costas para o mar
2 - caminhar sempre até à bandeira azul
(e aí espera ou explica ao nadador salvador que eu vou lá ter).
Felizmente nunca foi preciso usar este plano.

Quando fomos a Paris a 1ª pergunta que ela fez foi qual era o sitio secreto para onde ela devia ir se se perdesse :S

Ana Raquel disse...

Onde trabalho também adoptaram este sistema da pulseira. É optimo porque dura quase uma semana, e eles ficam todos contentes com a pulseirinha no pulso.
O problema e que há pais que gostam de complicar e todos os dias tiram a pulseira, o que implica colocar um nova, quando não era preciso.
E viva o SOL.

Bom fim de semana*
Ana

isabel disse...

Essa ideia das pulseiras é muito boa.....há centros comerciais que tb adoptaram esse metodo de identificação para as crianças. No Forum do seixal, mal se entra tem um placar enorme que diz " Já tens a tua pulseira dos imperdiveis?, Pede-a no balcão de informação"

Vida a 4 disse...

A minha filhota também andou, 2 semanas com uma pulseirinha dessas. Está ali de recordação.

É uma boa técnica.

mamã vera disse...

Achei a ideia óptima!

Beijoca