domingo, julho 15, 2007

Conversas com ela...

No meio de pessoal amigo: - Mãe, gostas de brincos? - enquanto me procura as orelhas e as aperta com os dedos. - Gosto. Mas a mãe não usa, porque faz alergia. - Não! - indignada - Não é em ti! É em mim! Gostas de brincos em mim, mãe? Posso por brincos, mãe?! Eu sempre disse que lhe furava as orelhas quando ela pedisse, mas... já?! *** - A Joana vai ter mais um mano? - pergunta uma miudinha do bando de crianças descalças, sujas e divertidas composto pelos nossos filhos e os dos amigos. - Não! Vou ter muitos! Vou ter muitos manos, não é mãe?! - responde ela sem me dar tempo de explicar à miúda, com rigor científico, que esta minha barriga não tem nada a ver com bebés. Mas porque é que ela me pede para confirmar estas coisas?! Adenda: Eu nunca lhe disse a ela que quando ela quisesse lhe furava as orelhas. Aliás, esta foi a primeira vez que o assunto veio à baila entre nós. Eu é que sempre fui da opinião que só lhe furava as orelhas quando ela me pedisse, e confesso que achava que ela só se iria lembrar disto mais velha. Se ela continuar a insistir e o pai concordar é claro que a deixo.

12 comentários:

Tânia disse...

'Tás tramada! lol Venham mais cinco! ;)

Eu disse...

LOL...

carla disse...

AHAHAHAHAHAHAH

Beijos

mamã vera disse...

Agora toca a ir c a gaiata furar as orelhas... palavra é palavra!

Qto aos manos... venham eles!!

Q engraçada!

Beijocas

Cláudia disse...

E não é nenhuma indirecta, não senhor!
Mais directa do que isso é impossível.

Quanto aos brincos, prometeste, não foi?

Monica disse...

LOL

Licas disse...

Já que disseste que sim...

Fitinha Azul disse...

Eu também sou da opinião que a Benedita irá furar as orelhas quando quiser, comigo foi assim mas só pedi aos 8 anos, quando as minhas amigas também o fizeram:p

andreia disse...

Olha, eu pedi mais tarde, já devia ter uns 10 ou 12 anos, mas agora nem sequer uso brincos! :) Aqui nos Açores furam logo as orelhas às bébés quando nascem, que eu acho horrível, pessoalmente. Por isso várias pessoas me perguntam quando a vêm porque é que ainda não lhe furei as orelhas!

Carla & Repolha disse...

Também concordo com a Andreia aqui em cima, embora os furos à nascença tenham uma vantagem: nunca mais fecham (eu passo anos sem pôr brincos, por exemplo). Na idade da Joana já acho graça.

E será que ela não fica feliz com brincos de mola? Pergunto isto só porque os cuidados a ter são chatos dada a idade...

Se furar, sei de um sítio (mas tenho que procurar porque agora n me lembro) que tem brincos giríssimos numa espécie de plástico para quem faz alergias (além de serem muito leves) - após aquele período do brinco obrigatório pode ser uma ideia (vou tentar lembrar-me).

Quanto aos muitos manos, as crianças sabem sempre o que dizem! :P

beijinhos

SaraA disse...

:)
Eu confesso que de vez em quando olho para as orelhas da minha e quase me apetece furá-las. Deve ficar tão gira de brincos...
Tenho visto bijuteria de menina com brincos, colar e anel, tudo a condizer!
Mas não fiz em bebé e agora tb não faço sem ela me pedir.

SaraA disse...

:)
Eu confesso que de vez em quando olho para as orelhas da minha e quase me apetece furá-las. Deve ficar tão gira de brincos...
Tenho visto bijuteria de menina com brincos, colar e anel, tudo a condizer!
Mas não fiz em bebé e agora tb não faço sem ela me pedir.