sexta-feira, julho 13, 2007

Eu sou assim...

«(...) lutei para não ser vencida pelas minhas emoções. Para não chorar sob pressão. Para conseguir passar por uma discussão sem chorar baba e ranho. Não estava era à espera que as lágrimas secassem para quase tudo. Agora, das raras vezes que choro, ganho ânimo e força para seguir em frente. Para reerguer-me. Chorar faz falta. Muita. E às vezes sinto-lhe a falta.»
[extracto de um comentário que deixei aqui]

17 comentários:

BLÁ BLÁ BLÁ disse...

Se escrevesse tão bem como tu, o que escreveste podería ter sido escrito por mim. Cada palavra.

Beijinhos

Ana disse...

ja eu... sou o oposto, mas só desde que engravidei, dá para crer?

xxx

A

Mãe Frenética disse...

:))

Cleo disse...

Pois eu choro por tudo e por nada! :P
ÁS vezes queria ser mais forte e não deixar cair aquela lagriminha que teima em cair na pior altura, em que nos sentimos pior por ter chora naquele momento, em frente aquela pessoa. Mas no final, sinto que me levanto mais rapido dos problemas do que os outros.
Depois de chorar ganho mais vida e animo.

Beijos e Bom fim de semana

Tânia disse...

Idem aspas, quando a pressão é demasiada...

Alda disse...

Um dia marcamos uma sessão de choro de grupo! :P

sol13 disse...

Sou uma torneira autentica......quando me passo primeiro choro e depois discuto.

Bjokas

Ana disse...

BEM...ESTAS PALAVRAS PODIAM TER SIDO ESCRITAS POR MIM..COM O ACRESCENTO QUE AS POUCAS VESES QUE CHORO É PQ ALGO DE GRAVE ME MAGOOU MTO...E DIFICILMENTE ESQUECEREI...
SOU ASSIM TB...

BEIJOS..!

ANA E SUSANINHA

sm disse...

Como te compreendo, acho que um dia vai voltar, de repente, possivelmente por uma coisinha de nada, sem nexo e depois tudo voltará ao normal (será?!?)

***

Sofia Quintela disse...

Chorar lava a alma e dá força!!!!!

Mãe da Rita disse...

Aqui chora-se muito... sem «a propósito», o livro que andas a ler, que tal é? Anda tudo a ler coisas desse senhor mas não me atrai um título com carneiros... Já a tua futura compra, A Rapariga das Laranjas, é um dos livros mais ...bonitos (?) que li. Costumo aconselhá-lo às minhas alunas de 13/14 e todas gostam, eu fartei-me de chorar, etc... Fala sobre perdas mas também sobre como funcionam os afectos. Bjs, bom fds! MJ

mamã disse...

Chorar alivia... as lágrimas não são um sinal de fraqueza mas sim de força interior... mostram--nos~que somos humanos e capazes de distinguir o bem do mal! Mostram-nos que somos capazes de Amar...
Bjs muito grandes!

Grilinha disse...

Eu ainda luto para não chorar sobre pressão...
Mas faço questão que o meu filho chore...no meu ombro...o que tiver de chorar. Sou mãe e estou ali para ouvi-lo e confortá-lo. Não o mando calar. Deixo libertar a tensão e depois animo-o, sempre mostrando que o entendo e apoio. As emoções fazem parte da nossa vida e mostrá-las também. Beijos sem lágrimas

Mamã trintona disse...

Chorar alivia a alma.
Com o passar dos anos, tornei-me uma pessoa mais dura, por vezes até insensível. Irrita-me aquelas alturas em que sei que, se chorasse, ficaria muito mais aliviada, mas não o consigo fazer. Também acontece o contrário: chorar por tudo e por nada.
Sou assim. De extremos.
Joquinhas e resto de bom fim de semana
Sofia

Sara MM disse...

bolas!!!! que lufada!!!


bjss sem lágrimas!! :oD

Anónimo disse...

Sandra!

Tens toda a razão!! Como te compreendo!
Já tinha saudades de te deixar um "olá"!
Beijinhos!

Ana, Ri, Bê e Carolina
lacosdeternura.blogspot.com/

Margarida Atheling disse...

Eu fiz o percurso inverso.
Desde sempre engoli as lágrimas. Muitas vezes ria quando julgavam que ia chorar. Julgavam que eu era forte e na verdade só não tinha coragem para demonstrar sentimentos que, desde que me lembro de mim, associava a fraquezas. Eu não queria expor fraquezas!

Um dia,nem sequer muito longínquo ainda, as lágrimas soltaram-se em turbilhão, não fui capaz de prendê-las. Não fui capaz de travá-las dessa vez. Aprendi que me faziam bem.

Não choro por querer. Na verdade, a parte racional de mim continua a querer escondê-las, mas a outra parte, quando acha que precisa solta-as. E ainda bem, porque as lágrimas lavam-nos a alma e levam para longe as coisas más.

Bjs!