quarta-feira, fevereiro 09, 2011

Há dias assim...

que por mais que me esforce não consigo por ordem em todas as ideias que se acotovelam na minha cabeça pelo direito ao tempo de antena. Ora são as preocupações com as obras da casa, ora as com a finalização de algum trabalho, ou com a vontade de meter as mãos à obra num novo, ou a possibilidade de um novo projecto, ou qualquer coisa dos filhos, ou ideias para as remodelações caseiras, ou ideias para novos trabalhos, ou a subida dos impostos, taxas e o diabo a sete, ou trabalho, ou as férias, ou a necessidade de encontrar o contacto do velhote que me partiu o espelho ao carro, a marcação da consulta, ou...

Coisas importantes, coisas corriqueiras e coisinhas, todas a girar à velocidade de centrifugação aqui dentro da minha cabeça, cada uma delas a prender-me a atenção por segundos, minutos ou até conseguir sair do estado de hipnose. Eu! Eu! Agora eu! Eu! E nenhuma fica resolvida.

Hoje estou assim.

6 comentários:

Cláudia disse...

Infelizmente, tenho dias assim também... aliás tenho dias desses demais para o meu gosto...

Vai passar...
Esperemos

Bjs

kombi disse...

por aqui é tal e qual, e o pior para mim é qd me dizem " mas tu estás em casa, queixas-te de quê?" e vindo do marido, que está sempre a contar com tudo para que eu resolva, ainda me faz sentir pior...irra que não me dão valor.

sbn disse...

ui nem me fales!! se houvesse multas para o excesso de velocidade dos pensamentos, eu esta semana ía ter uma palete delas para pagar!!!!

Helena Barreta disse...

Calma, respira fundo e, se for caso disso, delega funções.

Beijinho

Costinhas disse...

o problema está aí Helena, tudo o que é passível de ser delegado já foi :s

Susana disse...

Salvo raras excepções, os meus dias são todos assim... o meu cérebro não pára e não dou para tudo e queria desdobrar-me mais mas não consigo. E nunca estou satisfeita.